Acessibilidade

Equipamentos na eficácia agrícola em Itacoatiara.

O fortalecimento da agricultura familiar, que agrega valores pessoais e dá um avanço substancial da força coletiva na base da economia popular, vem sendo o incentivo permanente da Prefeitura de Itacoatiara, entendendo a atividade primária como ferramenta vocacional da população e o mecanismos acessível ao desenvolvimento humano.

Foi com este sentimento que o prefeito Antonio Peixoto participou dia 9 da entrega de equipamentos e ferramentas agrícolas aos integrantes da Associação dos Produtores Unidos de Itacoatiara – Asproita, juntamente com a presidente do Fundo de Promoção Social do Estado Kathelen de Oliveira Bras dos Santos, do secretário de Produção Rural Petrucio Junior,e do vereador Richardson numa ação de fomento da agricultura que tem símbolos elevados no município, como a produção em escala do abacaxi e de um eixo promissor de fruticultura que será a semente do Polo da Agroindustria.

“Não basta a liberdade do fazer, abrindo caminhos para que cada um, mesmo nas dificuldades, promova o próprio destino pelo trabalho, mas é necessário, por uma questão de justiça, oferecer o incentivo material e a estrutura para que este trabalho seja satisfatório, lucrativo e instrumento da dignidade humana” ponderou o prefeito Antônio Peixoto.

A Associação dos Produtores Unidos de Itacoatiara multiplicam os resultados dos esforços e da aplicação de recursos com o processo contributivo de agir em coletividade, fazendo da associação um trampolim para o aumento da eficácia no campo e de maior satisfação e lucratividade na comercialização dos produtos, sendo um exemplo de ação conjunta, conforme explicaram o secretário da Produção e a Presidente do Fundo de Promoção Social, justificando a entrega dos equipamentos permanentes e até dos serviços de apoio e logística.

MATERIAL

Com investimento de R$ 167.500,00 foram beneficiados 34 agricultores, de forma direta, incluindo suas famílias, o que chega a 150 pessoas indiretamente, promovendo um crescimento significativo na programação do plantio e, portanto da colheita, superando as expectativas planejadas no início do ano.

Os equipamentos foram uma enxada rotativa, uma grande aradora de arrasto, uma roçadeira central e lateral, um perfurador de solo, uma carreta agrícola com capacidade de duas toneladas um distribuidor de fertilizantes com capacidade de 410 litros e um trator agrícola de 50CV, simbolicamente entregue ao presidente da associação Anatólio Albuquerque Araújo.